Tendência: cores ‘naturais’ predominam na decoração

0 47

Na decoração de ambientes, as cores são responsáveis por trazer personalidade e imprimir sentimentos. Não é à toa que muitos designers de interiores, arquitetos e amantes da decoração aguardam as tendências de cores para realizar projetos com os tons em alta no momento. 

A boa notícia é que as novidades para 2023 já começaram a aparecer e o setor da decoração promete mais proximidade com a natureza por meio das cores. As marcas de tintas residenciais Coral e Suvinil, por exemplo, adotaram paletas que trazem como destaque os tons de bege para fortalecer a conexão do homem com a mãe natureza em casa. 

O bege pode ser empregado de diferentes formas para harmonizar com armários, poltronas, mesas e outros itens de mobília. Para quem busca estar alinhado às novidades da decoração, combinar o bege com outros tons ligados à natureza pode ser uma boa pedida para criar um espaço que traduza a tendência do momento. 

Bege e tons naturais na decoração! 

O bege, durante muito tempo, foi considerado uma tonalidade que não agregava personalidade e vibração ao ambiente. No entanto, com o passar dos anos, essa ideia vem se desmistificando e o tom sendo cada vez mais incorporado na decoração. 

O apelo pela natureza foi uma das principais características que deu mais evidência para o bege. Por ser uma cor que lembra elementos naturais como areia, palha, folhas, madeira e pedras, o tom tem sido utilizado para criar designs sofisticados que trazem a natureza para dentro de casa. 

Uma boa dica é incorporar o bege nas paredes e trazer tons diferentes na mobília e em itens decorativos. Essa estratégia possibilita diversos tipos de decoração, já que o tom é neutro e combina com todas as cores. 

Para quem deseja reforçar a ideia de natureza nos ambientes, mesclar a tonalidade com outras cores naturais – como verde, azul e tons terrosos – ajuda a elevar a potência da decoração. 

Bege e verde

Foto: Reprodução/Pinterest

Na decoração, o verde proporciona diferentes sensações. Uma delas, inclusive, é a proximidade com a natureza, já que o tom está presente nas folhagens de plantas. Sendo assim, a união do verde com o bege pode expandir essa ideia e remeter às nuances predominantes nas florestas. 

As duas cores apresentam diferentes variações e, por esse motivo, a escolha da tonalidade fica a critério de quem está decorando o ambiente. Tons mais claros tendem a reforçar a ideia de modernidade, enquanto os mais fechados podem trazer mais refinamento e sofisticação. 

Nas paredes, o bege pode ser utilizado de diversas formas. Pintar uma parede toda é a ideia mais comum, mas também é possível criar estilos diferentes para dar mais destaque ao espaço. 

Já o verde pode ser incorporado em poltronas, sofás, cadeiras, quadros e até mesmo com o uso de plantas naturais. A união das cores ajuda a criar um ambiente mais aconchegante e bucólico. 

Bege e azul

Foto: Reprodução/Pinterest

O azul, assim como o verde, também remete à natureza. A cor é normalmente relacionada à água e ao céu e costuma ser usada em decorações, por transmitir tranquilidade, segurança e conforto. 

A combinação entre o azul e o bege é bastante explorada em ambientes que trazem a temática marítima, já que a primeira cor lembra o mar e a segunda a areia ou a madeira. Por esse motivo, quem optar por essas tonalidades pode investir em quadros ou itens decorativos que tragam referências marítimas, como painéis de ondas, barcos, conchas e outros objetos. 

Nesse tipo de combinação, o bege das paredes normalmente aparece em tom mais claro, para remeter à beira-mar. Nos quartos, uma forma de incorporar a cor é pintando apenas metade da parede, do chão à altura da cabeceira.

O azul pode aparecer em sofás, puffs, outros móveis ou têxteis, como almofadas, mantas, capas de travesseiros e lençóis. Para quem quer investir na combinação apenas em detalhes, a dica é apostar nos itens decorativos como quadros com molduras, vasos de plantas, tapetes, entre outros.  

Tons terrosos 

Foto: Reprodução/Pinterest

Utilizar o bege e outros tons terrosos na decoração é uma tendência nos últimos anos. Ambientes que trazem apenas esses tons criam uma sensação de sofisticação e ainda assim remetem à natureza. 

Nessa ideia, o bege se mistura com marrom, laranja e subtons das duas cores, para compor uma decoração neutra e elegante. Todas essas tonalidades remetem a folhagens, areia, madeira, palha e pedras. 

Na parede, a tonalidade se mantém a dos exemplos anteriores e o destaque fica para os objetos que ajudam a intensificar o clima natural do cômodo. Dependendo da escolha de quadros, tapetes, cadeiras, poltronas, sofás e roupas de cama, é possível ter uma decoração terrosa mais rústica ou mais sofisticada. 

Normalmente, o uso de itens texturizados trazem a ideia de um local rústico, enquanto peças com acabamento mais delicado e textura lisa reforçam a elegância do ambiente. Em ambas as situações, a combinação do bege com tons terrosos garante à decoração um clima naturalmente acolhedor.

Não perca tempo procurando as melhores informações. Assine a nossa newsletter e tenha tudo reunido em um só lugar!
Você merece estar por dentro de tudo o que acontece! Inscreva-se agora e receba as últimas notícias, atualizações e ofertas especiais em primeira mão, diretamente em sua caixa de entrada
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, assine agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar consulte Mais informação